A disciplina Oncobiologia será oferecida como eletiva para os alunos do Mestrado Profissional de Tecnologia em Imunobiológicos (MPTI), oferecido na unidade de Bio-Manguinhos. A ideia de incluir o tema na grade surgiu nos debates da Comunidade de Prática sobre Redes Colaborativas em Oncologia (CoP-RC Onc.). "Percebemos que no quadro de alunos da turma de 2014 havia cinco estudando assuntos relacionados à oncologia. Essa disciplina irá capacitá-los melhor para a realização das suas dissertações e para o mercado de trabalho", destaca uma das coordenadoras da disciplina, Patricia Neves, do Laboratório de Tecnologia Imunológica (Latim).

Aline de Almeida Oliveira (Programa de Biofármacos) , também coordenadora da disciplina, ao lado de Ana Paula Ano Bom (Laboratório de Macromoléculas / Lamam), explica que a ementa abordará desde a oncologia básica até a aplicação em estudos clínicos. "Epidemiologia, fatores de risco, oncogenes, genes supressores de tumor e imunoterapia serão destacados ao longo do curso", acrescenta.

 

livros-isbn

Nova disciplina irá capacitar melhor os alunos para o mercado de trabalho.
Imagem: Divulgação

 

 

No corpo docentes, estão especialistas da área, como Liz Maria de Almeida (Inca), José Morgado (Inca), Tatiana Tilli (CDTS), dentre outros. Também fazem parte da equipe os coordenadores do Fio Câncer Adriana Bonomo e Martin Bonamino, ambos recém concursados na Fiocruz.  São disponibilizadas 20 vagas, sendo que 9 delas já estão preenchidas.

Qualquer aluno de pós graduação no Brasil ou colaborador pode se inscrever na disciplina. Para mais informações, entre em contato com a  Secretaria Acadêmica do MPTI (Bio-Manguinhos/Fiocruz), pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelos telefones (21) 3882-9455 / 3882-7129.

 

Sobre o MPTI

O Mestrado Profissional em Tecnologia de Imunobiológicos (MPTI), do Instituto de Tecnologia emImunobiológicos – Bio-Manguinhos visa à formação de profissionais qualificados para desenvolver novas tecnologias e aperfeiçoar processos de produção de imunobiológicos. Capacitar gestores voltados para a otimização dos processos produtivos, o controle e garantia da qualidade, a redução de custos e a implantação de processos de melhoria contínua. A formação é direcionada para que o mestrando adquira conhecimentos de diversas áreas e tenha uma visão multidisciplinar. Saiba mais

 

Jornalista: Isabela Pimentel