cruzBio-Manguinhos reconhece a importância de ensinar aos seus colaboradores o atendimento de primeiros socorros. Devido a grande procura por um curso sobre o assunto, a Seção de Captação e Desenvolvimento de RH (SEDRH) e a Seção de Medicina do Trabalho (SEMTR) promoveram um curso com foco para leigos.

O chefe da SEMTR, Eder Vaz Lobo, comenta que, quando o projeto estava sendo desenvolvido, foi feita uma análise do público que busca saber mais sobre pronto-atendimento tanto no dia a dia corporativo quanto pessoal. “Verificou-se que os interessados no curso queriam não uma capacitação mas noções básicas do que fazer quando alguém sofre parada cardíaca, fraturas, queimaduras e engasgo, por exemplo, até que um especialista chegue ao local do incidente”, afirmou o chefe, que comenta que a primeira turma foi formada por 21 alunos.

 

primeiros-socorros-430x285

Instrutor da Cruz Vermelha ensina procedimentos de pronto-atendimento - Imagem: Ascom/Bio-Manguinhos

 

O curso, que foi ministrado pela Cruz Vermelha e será realizado duas vezes ao ano, terá sempre entre 20 e 30 alunos em cada turma, com 20h de carga horária. “Juntamos teoria e prática na aula e lecionamos de maneira simples, dinâmica e objetiva. É um conhecimento que poderá ajudar a qualquer pessoa fora do Instituto”, explicou Eder, que comemora o bom resultado na avaliação do curso. “Vamos analisar as sugestões e aprimorar na próxima turma. As orientações de todos os colaboradores de Bio serão a longo prazo”, concluiu.

 

 

Jornalista: Gabriella Ponte

 

 

altalt Voltar à pagina inicial

Outras notíciasaltarrow-2