Na ocasião, o presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha, fez uma exposição sobre as atividades da Fundação e a implantação de novas unidades nos estados (Ceará, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Piauí), além de discorrer sobre as já existentes (Rio de Janeiro, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Amzonas, Paraná e Distrito Federal). Estiveram presentes, além dos parlamentares, o diretor da Fiocruz Brasília, Gerson Penna, e pesquisadores da Fiocruz.

Segundo a coordenadora da Assessoria Parlamentar da Fiocruz Brasília (Aspar), Mônica Geovanini, a participação do presidente da Fundação na audiência pública é importante para fortalecer o relacionamento entre o Congresso Nacional e a instituição, além de ser uma oportunidade para expor a atuação da Fiocruz na saúde pública e no desenvolvimento científico e tecnológico do país. Na sexta-feira (12/8), está prevista uma visita dos parlamentares da Comissão às instalações da Fiocruz no Rio de Janeiro, entre elas ao Complexo do Parque Tecnológico e Industrial de Biomanguinhos.

 

Fonte: Agência Fiocruz de Notícias

 

Voltar à pagina inicial

Outras notíciasarrow-2