campanha vacinacao gripe 3a faseComeçou a terceira e última fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe que vai até 5 de junho. Ela prevê a vacinação de pessoas com deficiência; crianças de seis meses a menores de seis anos; gestantes e mães no pós-parto (até 45 dias), professores das escolas públicas e privadas e adultos de 55 a 59 anos.

A expectativa é vacinar 36,1 milhões de pessoas nesta nova fase. Até o momento, 63,2 milhões de doses da vacina já foram distribuídas para garantir a imunização do público-alvo da campanha. O Ministério da Saúde adquiriu o total de 79 milhões de doses da vacina para as três fases, e a meta é vacinar no mínimo 90% de cada um dos grupos-alvo.

Mulheres no período até 45 dias após o parto devem apresentar documento que comprove o puerpério para a vacinação. A escolha dos grupos prioritários segue orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e tem respaldo de estudos epidemiológicos e a observação do comportamento das infecções respiratórias.

Influenza no Brasil em 2020

O Ministério da Saúde mantém a vigilância da influenza no Brasil por meio da vigilância sentinela de Síndrome Gripal (SG) e de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Em 2020, até 5 de maio, foram registrados 2.137 casos de SRAG hospitalizados por influenza (gripe) em todo o país, com 180 mortes.

Dos casos com identificação do vírus específico já concluida, 517 foram de influenza A (H1N1), e 75 óbitos; 53 casos por influenza A (H3N2), e 10 óbitos; 326 de influenza A não subtipado, com 47 mortes; e 440 casos por influenza B, e 48 óbitos.

 

Acesse o especial sobre coronavírus do site de Bio-Manguinhos

 

Jornalista: Paulo Schueler, com informações do Ministério da Saúde